020 – A Flauta de 6 estrumpfes !!!

29 Ago

HeloOooO sketcher’s, hoje chegamos a mais um post, o de número 20, e confesso que estamos perdendo a noção, começando pelo edemilson e infectando o andre lemes, que no sketch de hoje burlou todas as regras do blog, mas, eu vou postar porque ficou legal, e o personagem é da família dos gnomos duendes nanicos azuis! o que acontece é que não especificamos qual dos tantos era pra ser feito, então, ficou em aberto!

Smurfs por André Lemes ( A regras são feitas para serem quebradas! )

Smurfs por Fábio Silva

Smurfs por Diego Leitzke

Smurfs Por Nando

Smurfs por Andre Rebelo ( caraca ele desenhou todos )

Os Smurfs por Pierre Culliford

Em 1958, o belga Pierre Culliford, conhecido como Peyo, criou uma história com criaturinhas azuis que, segundo ele, tinham estatura comparada a 3 maçãs empilhadas. O nome deles: “Les Schtroumpfs”.
Parece familiar? Sim, você conhece, são “Os Smurfs”. Os personagens apareceram pela primeira vez em uma revista de história em quadrinhos da Bélgica, a Le Journal de Spirou, em 23 de outubro de 1958.
Na década seguinte, alguns curtas de animação em preto e branco de “Os Smurfs” foram produzidos em seu país de origem. Mas foi somente em 1981, quando foram transformados em uma série animada pela Hanna-Barbera, que finalmente ganharam o mundo e tornaram-se um clássico dos desenhos infantis.
Segundo Peyo, falecido em 1992, o nome original “schtroumpf” é uma palavra inventada por ele, que falou de brincadeira para pedir o sal para o amigo cartunista André Franquin durante um almoço.
Ao longo dos anos, “Os Smurfs” inspiraram mais de 3 mil produtos como bonecos, jogos, parques temáticos, alimentos e discos, e venderam mais de 25 milhões de livros traduzidos para 25 idiomas.

Em 2008, os personagens completaram 50 anos de existência. A Bélgica fez uma série de comemorações em todo o país, começando pelo que chamam de “invasão surpresa”.
Para proclamar o “Feliz Dia Smurf”, pequenas estátuas dos diminutos personagens azuis foram espalhadas em segredo por 20 cidades de 14 países europeus.
“Imagine acordar em uma manhã e descobrir, de repente, milhares de Smurfs espalhados por seu bairro. Eles poderão estar em qualquer lugar: no ponto de ônibus, na fila do correio, no pátio da escola. Certamente todo mundo vai sorrir”, Hendrik Coysman, diretor da International Merchandising, Promotion & Services (IMPS), empresa belga que administra os direitos autorais dos Smurfs.

O melhor são os Cosplay’s!!!

Falou Galera! até a Próxima !!!

Anúncios

019 – Eu odeio Segunda-Feira

26 Ago

Ula Ula Sketchr’s, voltamos aqui com mais um post deste humilde blog, e hoje temos um personagem icônico e conhecido pelo mundo inteiro, Guloso, preguiçoso, e que adoro assistir uma tv, ahá, foi legal desenhar ele, apesar da imagem dele estar no banco de imagens mentais (ahhaha) alguns desenhos não saíram tão parecidos não, na verdade, acho que estamos começando a partir mais para uma releitura do que uma cópia em si, o que torna mais divertida a brincadeira do sketch diário, relembrando, são desenhos rápidos e de memória, mas o post de amanhã exageramos no tempo, mas acredito que isto não impede de postarmos o resultado do próximo sketch Ula, então, curtam o Sketch de hoje.

Garfield por Nando

Garfield por Fabio Silva

Garfield por Edemilson

Garfield por Diego

Garfield por Débora

Garfield por Lemes

Garfield por Marceli e Andre Rebelo

Garfield por Jim Davis


O gato Garfield é estrela de uma das tirinhas mais famosas da história, sendo publicado em 2570 jornais de todo o mundo (só perdendo para Peanuts). Os outros personagens principais são Odie, um cão estúpido, e Jon Arbuckle, um cartunista, dono dos dois. Garfield é criação de Jim Davis, que tirou o nome de seu avô James Garfield Davis (este teve seu nome inspirado pelo presidente americano James Garfield).

Garfield estreou em 19 de Junho de 1978. Tinha traços disformes, bochechas enormes e olhos pequenos. Já mostrava sarcasmo Na 1ºTira:

Garfield – Um gato laranja listrado. Preguiçoso, guloso, amante de televisão e acima de tudo, sarcástico. Adora chutar Odie da mesa, arrotar, caçar pássaros e carteiros, o seu prato favorito é lasanha. Odeia segunda-feira, passas, Nermal, dietas (que vez ou outra Jon lhe impõe) e caçar ratos (“Lábios que tocam num rato jamais tocarão os meus”). Garfield adora matar aranhas, sofre de ataques de sono e em algumas tiras ele aparace tomando café

Valeu Galera, espero que tenham Gostado! e vai um Toy do Garfield pra vocês!

018 – Batido por favor, não mexido!

24 Ago

Ula Ula sketcher’s, estamos aqui para mais um post do sketch ula ula, lembrando de que são desenhos rápidos e feitos de memória, mas as vezes nem tão rápidos, o que importa é não fugir da idéia do sketch, mas o edemílson tem complexo e sempre da uma futucada com as malditas canetinhas, mas eu vou dar um jeito nelas e ele vai ter de se virar no lápis, huhuhuhuhu. bora lá, batido por favor, não mexido.

007 por Edemilson


007 por Andre Rebelo

007 por Dieg Leitzke ( parece o Tony Stark )


007 por Nando ( que desenho mais feio )

007 por Fabio Silva

007 por Andre Lemes

007 por Márcio Pereira

007 por Debora Brito

James Bond, também conhecido pelo código 007, é um agente secreto britânico fictício, criado pelo escritor britânico Ian Fleming em 1953. Bond trabalha no serviço de espionagem MI-6.

James Bond foi primeiramente apresentado ao público em livros de bolso na década de 1950 e logo tornou-se um sucesso de venda entre os britânicos. Em seguida tornou-se numa grande franquia do cinema, com vinte e dois filmes desde 1962. James Bond também apareceu em quadrinhos, videogames, e se tornou alvo de muitas paródias.

Em suas aventuras originais completas, entre elas Casino Royale, Dr. No, Goldfinger e Octopussy, Bond era descrito como um homem alto, moreno, de olhar penetrante, viril, porte atlético e sedutor, com idade estimada entre 33 e 40 anos, apreciador de vodka-martini (batido, não mexido) exímio atirador com licença 00 para matar (sétimo agente desta categoria especial, daí seu código 007) e perito em artes marciais, que combatia o mal pelo mundo (muitas vezes representado pela URSS naqueles tempos de Guerra Fria), a serviço do governo de Sua Majestade, sempre com charme, elegância e cercado de belas mulheres, sempre se apresentando com a famosa frase “Meu nome é Bond, James Bond”.

O Primeiro 007

Sean Connery (1962–1967;1971;1983 cujo filme não faz parte da saga original)

O Segundo 007

George Robert Lazenby  ((1969))

O Terceiro 007

Roger Moore (1973–1985)

O Quarto 007

Timothy Dalton (1987–1989)

O Quinto 007 também fez aparição no filme Mamma Mia. há!

Pierce Brosnan (1995–2002)

O Sexto 007

Daniel Craig (2006–presente)

Falou Galera, até a Próxima!

017 – might? Thor? mythor? Mighty Mightor?

22 Ago

Ula Ula visitantes do sketch, como vai por ae? aqui no estúdio estamos trabalhando muito, mas sempre vai ter uns 10 minutinhos para fazer nosso sketch diário, espero que gostem deste personagem que eu também não conhecia ( nando ), e isso ta me enchendo o saco, mas eu sei que logo sai um personagem da minha era huhuhu, então bora lá, vocês conhecem o personagem de hoje???

Peço desculpas ao celso pois esqueci de salvar o desenho dele, coloco durante a semana!!!

Mighty Mightor por Nando

Mighty Mightor por Andre Rebelo

Mighty Mightor por Andre Lemes

Mighty Mightor por Edemilson

Mighty Mightor por Diego Leitzke

O PODEROSO MIGHTY MIGHTOR ( por Hanna Barbera )

A origem do poder se resume Durante uma caçada, Tor e seu fiel companheiro Tog salvam um velho heremita das terríveis mandíbulas de um dinossauro enfurecido, Em agradecimento o velho dá a Tor uma clava que possui grandes poderes. Tor levanta a clava e transforma-se no poderoso MIGHTOR, assim como Tog num dragão que lança fogo. Juntos eles se tornam os defensores dos fracos e dos inocentes.

O Poderoso Mightor (no original inglês, Moby Dick and the Mighty Mightor) é um super-herói dos desenhos animados da Hanna-Barbera. As aventuras de Mightor dividiam o tempo com o desenho animado de Moby Dick. Criado por Alex Toth, o show foi exibido pelo canal estadunidense CBS de 1967 a 1969.

A identidade secreta de Mightor era a do homem das cavernas Tor, que se transformava em super-herói graças ao poder de sua clava mágica. Ele também transformava seu mascote dinossauro Tog em uma fera voadora.

Mightor protegia o vilarejo onde morava junto com seus amigos: o chefe Pondo e seus filhos Sheera e Rok. Rok vivia se fantasiando de Mightor e sem poderes, se colocava constantemene em perigo junto com seu mascote, o pássaro Dodo Ork. Sheera também tinha seu próprio mascote, o mamute Bollo.

Eu assisti o episódio e não gostei nem um pouco, ahhaha, o traço, as dublagens, não não, não gostei.

016 – Professor Pasquale ??? WTF?

19 Ago

Skeeeeeetch UUuuUUuUULLLaaAAaaa cheio dos posts nesta quinta feira, botando em dia os sketchs atrasados, e cada um mais legal que o outro hahahah, o Edemilson me passou uma falsa informação, dizendo que o nome do Prof era PASQUALE!!! O QUE??? hahahahah, eu acreditei, oinc!

bom relembrando pra quem está entrando aqui, A idéia do Blog é exercitar o desenho rápido através do desenho de memória, sem referências, sem cópias, sem nada, apenas o que você lembrar, já esta valendo para entrar no sketch ula! e se não lembrar? crie! há! bora lá pra mais um Sketch Ula.

Prof Dingledong por Nando

Prof Dingledong por Lemes

Prof Dingledong por Marcelo

Prof Dingledong por Andre Rebelo

Prof Dingledong por Fabio Silva

Prof Dingledong por Diego Leitzke

Prof Dingledong por Gilbert

Prof Dingledong por Edemilson

Professor DingleDong ( Não existem imagens dele…)

e muito menos informações, na verdade galera, estou sem muito tempo pra ficar procurando, dei uma olhada rápida na net mas nada muito específico, então, vai uma descrição zuada do site desciclopédia.

Professor Dingledong é o primeiro cientista que apareceu na série Pica Pau. Ao contrário do que muitos pensam, ele não é o Grossenfibber depois de tomar biotônico fontoura. Dingledong é bastante diferente de seu clone mal feito irmão Grossenfibber e suas diferenças são bem evidentes, tais como a altura e a voz, que é mais enjoada e meio fina. Seu temperamento é bastante diverso, variando de calmo como uma preguiça anestesiada a nervoso como alguém com hemorróidas, o que dá a entender que possua bipolaridade.
Ao contrário de Grossenfibber, Dingledong exerce a profissão de professor, dando aulas de exterminador de espécies taxidermia para estudantes sádicos. Seu aluno mais famoso foi o Taxidermista que tentou empalhar o Pica Pau e acabou sendo atingido por um elevador.
Tem em seu currículo a captura do Pica Pau, mas nunca se soube como. Alguns dizem que Dingledong o capturou com a ajuda de criaturas perigosas mas nada foi comprovado, mesmo porque nem elas dariam conta do Pica Pau.
Outro ponto que difere Dingledong de Grossenfibber é sua área de pesquisa. Em vez de inventar coisas, Dingledong prefere mais ter a cabeça no mundo da lua como explorador espacial e estudar novas formas de vida que ele acha que viu. Gosta de estudar principalmente o planeta Marte e a Lua (lugar em que seu foguete pifou e ficou anos a fio como um náufrago).

015 – Bola de Fumaça e Chute na cara

19 Ago

Skeeeeeeeetchhhh UUuuUUUuuuUULLa voltando rapeizes, pois é, demoramos mas não abandonamos não, infelizmente é dificil fazer um post diário, mas damos sequência a nossa divertida brincadeira da hora do almoço, um exercício de memória mas nem tão rápido né edemilson, dessa vez o cara só faltou usar uma aquarela, e o diego novamente fez o velhinho de bigodes, mas pra variar ele deu uma disfarçada dessa vez hahaha, bora lá, você conhece o Kung-Fuuuuuuuuu…

Hong Kong Phooey por André Lemes

Hong Kong Phooey por Celso

Hong Kong Phooey por Márcio ( adoro esse estilo )

Hong Kong Phooey por Edemilson ( cade a aquarela ede? )

Hong Kong Phooey por Andre Rebelo

Hong Kong Phooey por Diego Leitzke ( bigodiiinnn )

Hong Kong Phooey por Nando ( ixx quebrei a mão dele )

Hong Kong Phooey por Fabio Silva ( Ph.d em Cartoon )

Por Hanna Barbera

Hong Kong Phooey (no Brasil, Hong Kong Fu) é uma série de desenho animado que foi produzida pela Hanna-Barbera entre 1974 e 1976.

“Quem é o super-herói? O Sargento?…Não. Rosemary a telefonista?…Não. Penry o humilde faxineiro?…Pode ser…” e assim, tinha início mais um episódio de Hong Kong Fu. O desenho retrata um jovem faxineiro que trabalha na delegacia de polícia, Penry, que sempre ao ouvir os relatos de Rosemary ao Sargento Flint sobre os vários pedidos de socorro na cidade, discretamente, sai de vista e se transforma no “super-magnífico lutador contra o crime”, Hong Kong Fu, um lutador(um especialista!) de artes marciais, usando um Kimono vermelho e uma máscara sobre os olhos para manter sua identidade secreta, sai a procura dos bandidos e “super-vilões” da cidade, derrotando-os das mais variadas formas possiveis(ou melhor dizendo, nas mais variadas trapalhadas possíveis). Hong Kong Fu, também é uma óbvia sátira aos seriados de Kung Fu que marcaram a época.

Penry: O faxineiro da delegacia, sempre calmo, desastrado e um pouco “desligado” (porém muito cativante!), tenta fazer um ótimo trabalho na limpeza da delegacia, ao mesmo tempo que oculta sua identidade de Hong Kong Fu. Em um dos episódios trabalha com pintura.

Hong Kong Fu: O Poderoso defensor da justiça da cidade, alter ego de Penry, tem muita boa vontade, e é bem atrapalhado em seus salvamentos. Se transforma em Hong Kong Fu, quando entra na gaveta de baixo de um arquivo, e sai na de cima (que por sinal, sempre emperra). Ele anda no seu Fu Móvel (PhooeyMobile), um carro que parece uma quitanda chinesa, e toma a forma de qualquer veículo ao ser tocado um gongo, de bicicleta a helicóptero!

Incrivelmente, a série só teve 16 episódios, mas mesmo assim, é um campeão de reprises no Brasil, sendo reprisado durante toda a década de 70 e 80, o que leva muitos a acreditar que tem muito mais episódios.

  • Hong-Kong Fu/o zelador Penry: Orlando Drummond
  • Sgto. Flint: Ribeiro Santos
  • Rosemary: Selma Lopes
  • China: efeitos vocais de Luiz Manuel

E que Action Figure legal hein, da vontade de comprar fala Sério.


014 – Você achou as orelhas coloridas?

19 Ago

Skeeeeeeeetchhhh UUUla voltando rapeizes, pois é, demoramos mas não abandonamos não, apenas infelizmente é dificil fazer um post diário, então iremos dar sequência a nossa brincadeira dos desenhos nem tão rápidos mas de memória, sem consulta, confesso que os desenhos tem atingido uns 10 minutos, mas eles não deixam de ser sketchs, apenas o edemilson gosta de ficar enfeitando, firulas, mocinha.

então vamos lá, ultimamente não temos reconhecido alguns personagens, os menores de 24 anos pelo menos, os outros já são uns marmanjos que assistiram todos os desenhos da hanna barbera e ainda zoam os piazinhos por conhecerem o mesmo. esta muito divertido fazer estes personagens, o diego ama bigodes, ou pelo menos ele sonha em ter um destes que ele tanto desenha. começamos a notar o traço de cada um, o que é muito legal.

Personagem do dia é:

Corujito por Nando ( falei que não fazia idéia de quem era. )

Corujito por André Rebelo

Corujito por Fábio Silva

Corujito por Diego Leitzke

Corujito por Edemilson

Corujito por Louis Scheimer

Personagem do Desenho She-Ra: A Princesa do Poder.

é uma série de desenhos animados americana, versão feminina da série de animação televisiva He-Man e os Mestres do Universo. Produzido de 1985 a 1986 pelo Filmation Studios, com 93 episódios, no Brasil, o desenho foi exibido pela Rede Globo nos programas Balão Mágico, Xou da Xuxa, TV Colosso e Xuxa Park. Atualmente é exibido pela Rede Brasil de Televisão e pela Ulbra TV.

No Final de cada episódio, aparecia um personagem, O Geninho, que perguntava se você descobriu onde o corujito estava escondido durante o desenho e depois passava uma lição de moral para a criançada. kkkk

Vai Corujiiiitoooo!!!!!